Warning: strpos(): Empty needle in /home/doutoranibal/www/wp-content/plugins/shortpixel-image-optimiser/class/Model/EnvironmentModel.php on line 398
Como parar de beber: Descubra o que fazer - Dr. Aníbal Okamoto

Como parar de beber: Descubra o que fazer

Escrito por Doutor Anibal em 21 de maio de 2020

Muitas pessoas estão querendo saber como parar de beber na quarentena devido ao isolamento social, consequência do novo Coronavírus.

Infelizmente, alguns pacientes reclamam que desenvolveram o hábito de beber ou tiverem seu vício agravado por causa da pandemia.

Além disso, a glamourização da bebida por artistas, especialmente nas chamadas “Lives”, gera uma normalização do uso abusivo e desenfreado de bebidas alcoólicas em casa e, em alguns casos, o uso de drogas.

Mas, o que fazer para parar de beber na quarentena e como buscar ajuda?

É o que você verá neste artigo.

Leia também: dicas para parar de beber

O que fazer para parar de beber na pandemia?

Em primeiro lugar, a pessoa que sofre com o alcoolismo deve antes de tudo, reconhecer que o problema existe.

Em segundo lugar, a solução para tratar este problema é buscar ajuda médica e tratamentos complementares o quanto antes.

No entanto, pode parecer uma tarefa simples parar de beber, mas, devido ao incentivo por parte da mídia e o vício já existente, isso pode ser difícil.

Somente com ajuda médica adequada, o problema de alcoolismo pode ser tratado de forma eficaz.

Caso não tratado, a doença pode acabar com a vida social e moral de uma pessoa.

As consequências são serias e podem se agravar com o tempo.

Consequências do Alcoolismo

O alcoolismo pode defasar com a vida social e moral de uma pessoa como supracitado, mas também, prejudica e muito à saúde.

Em longo prazo, o álcool pode ser responsável por muitas doenças como, por exemplo:

  • Câncer (boca, esôfago, garganta, etc.);
  • Doenças hepáticas (cirrose) e pâncreas;
  • Doenças do sistema nervoso;
  • Transtornos mentais (ansiedade, depressão, irritabilidade);
  • Distúrbios cardiovasculares.

Entre muitas outras.

Devido ao maior consumo, os homens são mais afetados do que as mulheres, mas o tratamento é igual para ambos.

Se você acha que pode ter problemas relacionados ao álcool ou tem algum familiar que sofre deste mal, nos procure para que possamos orientar melhor.

 O auxílio de profissionais especializados da saúde nesse momento é crucial.  Clique aqui e entre em contato agora mesmo.

Saiba também: depressão em mulheres, o que fazer?

CRM-DF 17.813
Acredita na importância da escuta acolhedora, do vínculo e da confiança como fios condutores do processo terapêutico.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos relacionados

crossmenu